quarta-feira, dezembro 02, 2009

Julie e Julia

De: Nora Ephron. 2009.
Com: Meryl Streep, Amy Adams, Stanley Tucci, Chris Messina, Linda Emond, Helen Carey, Mary
Lynn Rajskub e Jane Lynch.


Crítica: Um filme que não escapa do óbvio na construção de sua narrativa que segue uma linha batida e esquemática no seu desenvolvimento, gerando um resultado regular, intercalando momentos do passado e presente de suas personagens, num ótimo trabalho de edição.

Amy Adams entrega uma interpretação correta para Julie Powell, mas pouco cativante, achei ela meio bobinha e sem sal, já Meryl Streep aparece soberana (o que não é nenhuma novidade tratando-se dessa grande atriz) na perfeita interpretação dada à Julia Child, suas cenas são as melhores quando a narrativa mostra décadas passadas ela escrevendo o livro que serviria de base para Julie desenvolver seu blog de sucesso, onde se dedicou a preparar as 524 receitas do livro em 365 dias. Destaque também para as cenas onde pratos deliciosos são preparados, de dar água na boca..hehe..

Outro fator problemático do longa é que as vezes o filme cai no marasmo, em cenas pouco inspiradas ou desnecessárias devido o alongamento da história, o filme tem 2h de duração, o que achei muito.

Mas enfim, faltou tempero na parte em que Julie é retratada, por outro lado, sobrou doçura e energia nas cenas com Julia, um filme que se sobressai graças ao talento incontestável de Meryl Streep que quando aparece dá aquele gás na história.

Porém, não sei se esse trabalho lhe dará indicações, por consequência, vitória nos principais prêmios do ano que vem (globo de ouro/oscar..), por que apesar de estar muito bem, sua atuação aqui é inferior do que se viu em "Dúvida", pode ser que sim, mas vamos aguardar pra ver.

Nota 6.0! Visto em Novembro!

14 comentários:

Vinícius P. disse...

Estou ansioso por esse filme em especial pela Meryl Streep, mas não parece ser grande coisa mesmo...

Ricardo Martins disse...

Eu não espero grande histórias e atuações, mas sim uma "delícia" de filme! Acho que tendo Meryl (soberana) e Amy Adams (que adoro) fazem o filme ficar bom e o enredo além de real é super interessante! Provavelmente longo demais, poderia ter no máximo 1h40 não é?

Mas tenho que conferir, que bom que as duas estão juntas novamente!!!

AbrAÇo

Marcelo Augusto Cetreus disse...

Concordo com o Ricardo! Eu espero uma trama deliciosa, com unica função de envolvimento artistico!
Apesar de longo, acho que com certeza vale a pena, já que como voce mesmo disso, Meryl está estupenda!

Abraços!

Dewonny disse...

Vinícius, é longe de ser ruim, pela Meryl valeu a pena, o q´já é ótimo!

Ricardo, sim, os pratos preparados são deliciosos, e só pelas atrizes já foi prazeroso assistir, principalmente a Meryl, e acho q com uns 15min a menos, teria ficado melhor encaixado o filme.

Marcelo, é claro q vale a pena, ñ deixe de conferir!

Abs! Diego!

Patrícia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
tai disse...

Hm, quando eu vi o trailer, esperava exatamente isso: um filme nem péssimo nem ótimo, com uma Meryl Streep maravilhosa pra salvar, haha!
Saudade de comentar aqui (:

Júnia L. disse...

Só de ter Meryl Streep já me deu vontade de conferir.
Vou ver se assisto neste final de semana e volto para fazer meu comentário sobre a produção em si.
Obrigada pela dica!!!

LuEs disse...

Todos têm escrito que esse filme é mediano. Eu realmente não espero muito mesmo de uma filme cuja sinopse é aquela, mas ainda assim imagino que Streep esteja bem à vontade em sua personagem.
Amy Adams deve estar bela como usualmente está, mas não anseio por vê-lo.

Diego, tenho muita dificuldade de comentar aqui. Esse pop-up dificilmente abre normalmente!

Você tem sumido, homem. Volte!

Dewonny disse...

Patrícia, exatamente, ñ ia ter a menor graça se todo mundo pensasse igual..hehe..ah, se ver o filme com fome, com certeza irá gostar..rs..

Tai, é isso msm, ñ é uma maravilha, mas tbm ñ é ruim, dá pra assistir numa boa sem problemas, e q bom q apareceu, estavas sumida, já passo lá no teu blog.

Ju, a Meryl é o grande nome do filme, tá bem a vontade no papel, espero q goste.

Luis, vc é o primeiro q reclama da janela, mas é a melhor forma q tem pra deixar os comments, ñ tem outro recurso melhor nesse blogger.

Abs! Diego!

Gustavo disse...

Acho que, se não se esperar muito, talvez possa se curtir mais esse filme, que só deve valer a pena pela Meryl. Enfim...

Cris França disse...

amo a Meryl , acho ela fabulosa, bjs

Mayara Bastos disse...

Estou muito curiosa para assistir este filme. Ganhei o livro de presente, e lerei nas férias.

Beijos! ;)

Dewonny disse...

Gustavo, pra ver a Meryl vale a pena ver qualquer coisa.

Cris, tbm acho!

Mayara, boa leitura, espero q veja o filme em seguida!

Abs! Diego!

BRENNO BEZERRA disse...

Diego, apesar de eu não te conhecer pessoalmente, te considero um amigo sim (mesmo com vc não ter gostado de Star Trek, rsrsrs). Obrigado pelo selo.